segunda-feira, 16 de maio de 2016

Aquele Instante de Felicidade - Federico Moccia



Nicco está a passar por um mau bocado. Desde a morte do pai que tem de cuidar da família, que parece ter perdido o norte. A mãe mergulhou numa depressão profunda, uma das irmãs troca de namorado como quem troca de camisa e a outra, com um filho de três anos, reatou com um namorado intratável. Tem de manter dois empregos: um no quiosque da família e outro numa agência imobiliária, e faz todos os possíveis para arranjar tempo para estar com a namorada, que adora. Ou fazia… porque, praticamente sem qualquer explicação, a namorada deixa-o.
Desconsolado, Nicco procura o apoio do seu melhor amigo, o estouvado Ciccio, que tem sempre, pelo menos, duas namoradas e mais uma série de namoricos em andamento. Um dia, por completo acaso, conhecem duas jovens americanas, de férias em Roma. Para Ciccio, é mais um desafio de sedução, e para Nicco a maneira perfeita de esquecer a namorada e todos os seus problemas. Mas o que começa como um leve flirt de férias ameaça vir a ser um verdadeiro caso de amor…


Opinião:

Já li vários livros de Federico Moccia e tenho gostado bastante da sua escrita
Este não será um dos seus melhores livros, as lê-se bem pois a narrativa é fácil sem complicações escrito bem aos estilo cinematográfico que é a marca deste escritor.
É uma leitura simpática de um jovem a procura dos seus momentos de felicidade,

O Circo dos Sonhos - Erin Morgenstern


Um misterioso circo itinerante chega sem aviso e sem ser precedido por anúncios ou publicidade. Um dia, simplesmente aparece. No interior das tendas de lona às listas pretas e brancas vive-se uma experiência absolutamente única e avassaladora. Chama-se Le Cirque des Rêves (O Circo dos Sonhos) e só está aberto à noite.
Mas nos bastidores vive-se uma competição feroz – um duelo entre dois jovens mágicos, Celia e Marco, que foram treinados desde crianças exclusivamente para este fim pelos seus caprichosos mestres. Sem o saberem, este é um jogo onde apenas um pode sobreviver, e o circo não é mais do que o palco de uma incrível batalha de imaginação e determinação. Apesar de tudo, e sem o conseguirem evitar, Celia e Marco mergulham de cabeça no amor – um amor profundo e mágico que faz as luzes tremerem e a divisão aquecer sempre que se aproximam um do outro.
Amor verdadeiro ou não, o jogo tem de continuar e o destino de todos os envolvidos, desde os extraordinários artistas do circo até aos seus mentores, está em causa, assente num equilíbrio tão instável quanto o dos corajosos acrobatas lá no alto.

Escrito numa prosa rica e sedutora, este romance arrebatador é uma dádiva para os sentidos e para o coração. O Circo dos Sonhos é uma obra fascinante que fará com que o mundo real pareça mágico, e o mundo mágico, real.

Opinião:

Sim, este livro é pura magia, difícil deixar de ler, uma leitura lenta mas maravilhosa pois é de sonhos, magia e amor do que fala este livro muito bem escrito.
E aconselho a ler , pois é difícil comentar este livro que para mim deve ser sentido por cada pessoa que o vai ler.Muito bom.

Meu Único Amor - Cheryl Holt


A jovem Maggie Brown viajou até uma estância balnear, com a esperança de esquecer a dor causada pela recente morte da mãe. Nunca imaginou que a sua agridoce estada a submetesse ao abraço mágico de um misterioso desconhecido, ou que ele apenas lhe deixasse recordações. Contudo, em seguida, por ironia do destino, reuniu-se ao homem que tanto amava - que lhe tinha dado o coração, mas não o seu nome.
Para escapar a pressões familiares, o marquês de Belmont disfarçou-se de plebeu a fim de passar umas férias à beira-mar - e perdeu o coração para uma mulher com quem nunca poderia casar. No entanto, determinado a que nenhum outro homem a possuísse, arrastou-a para um amor apaixonado que em breve se transformou em mágoa. Agora, embora receie que possa ser demasiado tarde, jura convencer Maggie de que trocará sem hesitar o seu legado por toda a vida nos braços dela.

Opinião:

Adorei este livro,posso dizer que foi para mim mais um maravilhoso livro de Cheryl Holt.
Um romance intenso , sofrido  e que vai quebrar muitas convenções da época .
Maggie Brown depois da morte da sua mãe ,um cortesã muito conhecida, resolve passar um tempo de férias com uma amiga da sua mãe também ela uma antiga cortesã numa estância balnear.Também o marquês de Belmonte e o seu irmão Adam vão passar uns dias a mesma estância, e com nomes falsos pois querem fugir a pressão da sociedade e dos titulos que detém.
Maggie e o marques vão encontrar-se e apaixonar-se sem conhecerem os dramas de cada um, Maggie tem que descobrir o que fazer, pois a sua mãe deixou-a sem apoio financeiro, e possivelmente terá que ela mesmo seguir a vida que a sua mãe leva-va.O marques tem a sua espera um casamento de conveniência que ele terá que aceitar visto que ele sabe que foi criado para seguir o protocolo que foi estabelecido aquando do seu nascimento.Também o irmão do marquês Adam vai apaixonar-se por Anne sendo o seu relacionamento também complicado.
E é entre o o dever e o amor e o quebrar de regras da sociedade da época que passa-s este romance muito bem escrito e empolgante.

sexta-feira, 6 de maio de 2016

Perigosa - Madeline Hunter


Tristan, duque de Castleford, acaba de herdar uma pequena casa e, com ela, uma grande surpresa: Daphne Joyes, uma bela mas agressiva inquilina. O irreverente Tristan deixa logo bem claro que tenciona seduzi-la, dar-lhe prazer, e vê-la coberta apenas de diamantes. Mas Daphne conhece bem a escandalosa reputação do duque, e não está disposta a ceder às suas provocações.
No entanto, ambos têm um inimigo em comum. Um homem cuja malevolência acaba por os ajudar de uma estranha e inesperada forma. Existe, todavia, um entrave: o segredo que Daphne guarda e que a leva a ser uma mulher extremamente cautelosa. Mas embora o seu novo senhorio seja arrogante e se entregue a uma vida de deboches (exceto às terças-feiras!), Daphne dá por si a baixar perigosamente a guarda. Até porque, afinal, os diamantes ficam bem com tudo… e também com nada…


Opinião:

Este foi último livro da série e é claro que gostei.O irreverante  Duque de Catleford encontrou em Daphne, uma dama que conseguio enfrentar toda a sua arrogância.Os dois formam um casal bem interessante e o mistério que os envolve tornou este livro numa agradável leitura.

Pecadora - Madeline Hunter


Habituada a uma existência pacata, Celia Pennifold vê a sua vida virada do avesso após a morte da mãe, Alessandra Northrope, uma cortesã afamada. Para além de uma pequena casa, a mãe deixou-lhe de herança apenas dívidas e uma reputação manchada. O destino de Celia já está traçado há muito. Ela foi educada para seguir as pisadas da mãe. Mas Celia é determinada e tem os seus próprios planos… que não incluem, evidentemente, o misterioso inquilino com que se depara ao instalar-se no seu novo lar. Jonathan Albrighton encontra-se numa missão a mando do tio, pois há suspeitas de que Alessandra possuía informações delicadas sobre alguns dos homens mais influentes da sociedade londrina. Jonathan pensava estar perante uma tarefa simples, não contava encontrar em Celia uma adversária à sua altura.


Opinião:

Mais um livro desta serie que conseguio conquistar-me.O romance e o mistério que envolve Celia e Jonathan foi muito bem conseguido.

Provocadora - Madeline Hunter


Verity Thompson desapareceu no dia do seu casamento. O seu paradeiro manteve-se secreto durante dois anos. Um longo período em que o marido, o conde de Hawkeswell, viveu na penúria e na incerteza. Verity deixou para trás uma fortuna imensa mas inacessível, pois o seu óbito não foi declarado. Nem poderia sê-lo pois ela está bem viva. Ao ser obrigada a casar, Verity fugiu de Londres e refugiou-se, incógnita, no campo. Sem qualquer interesse pelo título ou estatuto do marido, abdicou da sua fortuna em troca da liberdade. Mas o passado tem os seus próprios desígnios e a jovem vê-se agora obrigada a regressar à cidade e a um casamento sem amor. Por seu lado, o arrogante Hawkeswell está disposto a chegar a um acordo: se Verity lhe conceder três beijos por dia, ele não a obrigará a cumprir os deveres conjugais. Mas, claro, há beijos e beijos... e Verity vai perceber até que ponto se arruinou ao entregar-se às mãos hábeis de um mestre.


Opinião:

O primeiro livro desta serie Deslumbrante não conseguiu conquistar-me achei muito fraco em relação aos outros livros que já li de Madeline Hunter que sempre adorei.Pensei seriamente em desistir de ler a continuação mas ainda bem que resolvi dar uma chance a autora e este sim aproxima-se do que eu conheço da autora.
Provocadora é um romance bem conseguido, Hawkeswell e Verity são um casal que conseguiu prender-me a leitura deste livro, todo o mistério a volta da fuga da Verity no dia do seu casamento também, assim como as personagens deste livro que irão ter continuação e que deixaram-me intrigada.
Desta vez sim um livro bem a ao género da autora.

terça-feira, 3 de maio de 2016

Aquele Beijo - Julia Quinn

Gareth St.Clair vive momentos difíceis. Após a morte do irmão, passa a ser o único herdeiro da fortuna do pai. Infelizmente, o ódio deste por Gareth é tanto que prefere desbaratar o seu património a vê-lo nas mãos do filho. Resta-lhe como legado um velho diário, escrito pela avó paterna, que poderá conter os segredos do seu passado e a chave para o seu futuro. O único problema é que… o diário foi escrito em italiano, uma língua que o jovem não domina de todo.
Por um golpe de sorte, Gareth conhece Hyacinth Bridgerton, a mais jovem menina do conhecido clã, que nunca recusa um desafio, embora o seu italiano deixe muito a desejar. Além disso, Gareth intriga-a, pois parece estar sempre a rir-se dela.
Juntos, embrenham-se nas páginas do velho diário, mas aquilo que vão descobrir transcende as palavras escritas em papel, e manifesta-se sob a forma de um simples - mas inesquecível - beijo…


Opinião:

Maravilhoso este livro , já se sabe que a família Bridgerton é hilária, mas Hyacinth e Gareth foram divertidíssimos, com a ajuda da encantadora Lady D.
Há muito que não ria tanto com um livro, diálogos inteligentes e com muito bom humor, momentos românticos enternecedores entre estes dois jovens, e uma família sempre prestável, desejosa de casar Hyacinth, a mais jovem do clã Bridgerton, e a mais atrevida e complicada desta família encantadora.
Adorei, aconselho a ler pois é mais um magnifico livro de Julia Quinn.

sexta-feira, 29 de abril de 2016

Ligeiramente Indecente - Mary Balogh




E no campo da Batalha de Waterloo, entre os soldados feridos, que Rachel York espera encontrar a salvação para si e para as suas amigas. Ludibriadas por um falso pretendente, as quatro encontram-se agora longe de casa, na penuria e obrigadas a viver num bordel. Mas Rachel e uma jovem cheia de recursos e não se da por vencida. A solucão para todos os seus problemas - pensa - esta num belo soldado moreno que perdeu a memoria. Pois para poder receber uma avultada heranca, Rachel precisa de um marido. Basta convencer o soldado desconhecido a alinhar no jogo. O que ninguem sabe e que o jovem e nada menos que Lord Alleyne, o benjamim da familia Bedwyn. Mas, por muita boa vontade que ele tenha, nada corre como planeado ao chegarem a Inglaterra. E a situacão complica-se - quanto mais não seja pela crescente atração entre os falsos noivos, numa farsa que parece ser ligeiramente... indecente.


Opinião:


E este romance encantador é vivido pelo jovem Alleyne, o mais jovem membro da família Bedwyn, e pela jovem Rachel que o vai encontrar e nu e ferido num bosque .
Durante a batalha de Watwerloo, Lord Alleyne é atingido a tiro quando levava uma importante carta, no meio da batalha foi deixado a sua sorte e ferido.
Rachel vive num bordel e ela e mais 4 mulheres que ai vivem decidem procurar os bens deixados pelos mortos, já que tendo sido enganadas pelo um falso pastor ficaram sem dinheiro.Nenhuma delas consegue levar a bom termo o que pretendiam, mas Rachel encontra um jovem homem ferido e completamente nu e resolve trazelo para  o bordel onde trata do jovem, que tendo batido com a cabeça na sua queda do cavalo não lembra quem é nem o seu nome.
Mas tendo sido enganadas por o falso pastor elas decidem ir em sua busca mas para isso precisam de dinheiro,Rachel tem uma herança para receber mas tem que encontra-se casada, assim, visto que o jovem que salvou não se lembra da sua anterior vida resolve ajudar as mulheres que o salvaram e vai fazer passar-se por marido  de Rachel para obterem a herança.
E situações bem divertidas e caricatas vão suceder a este grupo para atingirem o que pretendem. Sem saberem que entre eles encontra-se um rico lorde de uma família importante ,os Bedwyn.
E assim está quase a terminar está serie da família Bedwyn, faltando o ultimo membro desta família, o terrível Duke of Bewcastle, o lider deste famoso clã.